quarta-feira, 13 de julho de 2016

Ouro Preto


Não nos é permitido conceber a própria vida.
Mas nos é dado o poder de destruí-la.
Como então acreditar em Deus,
esse ser áspero e tão indefinido,
que no máximo concede aos fariseus,
sua vitória no sangue do Filho?
Como então acreditar em Deus,
se o Vinho e o Pão nunca se explicam?


Raphael Vidigal

Pintura: Obra de Emeric Marcier. 

Seja o primeiro a comentar

  ©Caminhos dos Excessos. Template e layout layla-imagem banner: tela de Salvador Dali

TOPO