quarta-feira, 25 de abril de 2012

Pensar:



“Então, uma chuvarada de lembranças que a deixou encharcada” Truman Capote

Por pudor
Por pura pena
Púrpura purpúrea
Precisou pedir:

Piedade!

Raphael Vidigal

Pintura: “Red Canna”, de Georgia O’Keeffe. 

3 comentários:

Ana Paula Moreto disse...

Nossa, adorei. Li seus poemas e fiquei maravilhada. Sabe quando se le um poema de um escritor famoso e não se sabe como alguem consegue transmitir aquela sensação gostosa, e como consegue escrever daquela forma... Foi isso que eu senti ao lê-los. Sua escrita é mais que ótima, um poeta de verdade.
E eu só fico na ansia de um dia poder chegar a este nível.

Gostei muito.

Michel Carvalho disse...

Muito bom, mais uma vez, sendo agora montada uma bela construção com palavras iniciadas em "P", de forma suave, leve, com sentido e coerência.


Realmente, muito bom!

Sucesso sempre!

Guilherme Augusto disse...

e ela teve?

fica o mistério... rsrs