segunda-feira, 23 de abril de 2012

Escadas:



“A bela e selvagem irracionalidade da poesia refuta-os, a vocês, utilitaristas!” Nietzsche

o medíocre preocupa-se com a utilidade
os demais com a necessidade
o gênio com o frívolo
o artista com a frivolidade da beleza

Testamento Testemunho (ou Testemunho Testamento):

Não compactuarei com a Mediocridade
Se me é dado o Extraordinário
Dele farei
Mesmo que chegue em retalhos
Traga Guerras
e Malária
Ou Nada

Raphael Vidigal

Pintura: “Paisagem com pássaros amarelos”, de Paul Klee.

3 comentários:

Marília disse...

Amei.. Nietzsche me introduziu a literatura e seus pensamentos andam soltos por ai...

se me é dado o extraordinário, dele farei mesmo que chegue em retalhos, perfeito!!

Jeh Pagliai disse...

Olá :)

Adorei a mistura das duas artes: a poesia e o quadro... Impressionante como se casam bem!

Beijinhos

---
www.jehjeh.com

Inacio Martinelli disse...

Gostei bastante. Parabéns.

www.alwayslouder.wordpress.com