segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

hino


escolho a morte de todas as coisas
escoradas no costume na moral e no hábito
escolho a morte de todas as coisas
sem nome
todas as coisas sem cara
escolho a morte do padrão
do progresso e da ordem
escolho a vida pois ela é inevitável
a morte é somente detalhe


Raphael Vidigal

Imagem: Obra de Hans Arp. 

Seja o primeiro a comentar

  ©Caminhos dos Excessos. Template e layout layla-imagem banner: tela de Salvador Dali

TOPO