quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Pedra sabão


Pra quê gastar a palavra?
Pra quê lançar mão da anáfora?
Se o que precisa ser dito vive entre aspas

“                         ”


Raphael Vidigal

Pintura: obra de Miró. 

Seja o primeiro a comentar

  ©Caminhos dos Excessos. Template e layout layla-imagem banner: tela de Salvador Dali

TOPO